You are using an outdated browser. For a faster, safer browsing experience, upgrade for free today.
  1. Notícia

  2. Assédio moral no ambiente de trabalho.

    O assédio moral é um tipo de violência psicológica extrema, que ocorre de forma metódica e frequente, durante um tempo prolongado, com o objetivo de comprometer o equilíbrio emocional, pode ser praticada por uma pessoa ou um grupo de pessoas contra um colega.

    É caracterizado pelo comportamento inadequado de pessoas de uma empresa, os quais utilizam tratamento ofensivo aos colegas, acarretando constrangimento e humilhação no ambiente de trabalho.

    Esse comportamento não se confunde com outros conflitos que são esporádicos, ou mesmo com más condições de trabalho, pois o assédio moral pressupõe o comportamento (ação ou omissão) por um período prolongado, premeditado, que desestabiliza psicologicamente a vítima.

    Uma das características fundamentais do assédio moral é que as condutas do assediador, via de regra, não se relacionam com a prestação do trabalho em si, mas ultrapassam os limites razoáveis da cobrança de metas e de trabalho, atingindo o empregado em sua dignidade como pessoa humana e trabalhador, a ponto de causar danos em sua autoestima e desempenho na vida profissional, social e pessoal.

    O assédio pode se dar de muitas maneiras, como por exemplo, broncas, ameaças, espalhar boatos contra o funcionário ou mesmo tirar objetos de trabalho, como a mesa ou o telefone, para constranger. Pode ser em público, ou não.

    Mas o que a vítima pode fazer? Bem, é importante que se anote com detalhes todas as humilhações sofridas (dia, mês, ano, local ou setor, nome do agressor, colegas que testemunharam, conteúdo da conversa, etc.). Evite conversar a sós com o agressor, é essencial que existam colegas para testemunhar o ocorrido.  É necessário reunir provas: mensagens, e-mails, gravações, etc.

    Caso haja a prática de assédio moral dentro do ambiente de trabalho e a mesma fique comprovada, o empregado poderá ser indenizado face ao abalo sofrido.

    Para maiores informações, estamos à disposição!
  3. Rua Baronesa do Gravataí, 137/204
    Cidade Baixa - Porto Alegre/RS

    Horário de funcionamento:
    De segunda à sexta das 8h as 18h.